domingo, 7 de dezembro de 2008

Sabe você o que faz com seus olhos?
Sabe você a vontade que dá de ficar olhando-os?
Sabe o que faz de mim?
Eles roubam a poesia presa na minha boca
Deixam-me mudo
Estático
Fazem-me pensar
Sem querer poetizar
Com leveza, com exatidão.
Se eu os tivesse em mãos
Eu esculpiria outros versos
Viajaria com eles
Guardaria só para falar ao seu ouvido
Que eu os fiz
Só para te ver sorrir.


Para os mesmos olhos de ressaca.

4 comentários:

Anônimo disse...

O que dizer sobre versos tão lindos?
Poesia é arte....e arte não se discute!
Admiro muito...

Um beijo dos olhos de ressaca...

Pitango disse...

Adoro ler seus poemas..
Pitango

http://www.tchubaduba.blogspot.com/

Anônimo disse...

poxa, que lindo, rapaz
que musa é essa que aranca de sua boa tão belos versos?

JURA

Patrícia Lage disse...

Que lindo!!!
Quaisquer olhos viram sorriso com versos desses. Os de ressaca então...

Parabéns, poeta!
Meu beijo de sempre pra vc.